quinta-feira, 20 de novembro de 2008

Vida de cão...


Há expressões utilizadas que caracterizam um sentimento, um estado de espiríto ou uma situação em concreto.Ontem ouvi uma vulgarmente usada, sobre a qual me pus a pensar mais tarde, nos meus devaneios normais. Alguém que conheço,( que em vez de ver um copo meio cheio, lamuria-se de estar meio vazio) lamentou "que vida de cão"...


Não dei muita importância, até porque eu mesma de quando a quando, também recorro a ela, mas á noite, estava a jantar e dei com o meu IRC (irritante roedor da casa) eh eh eh, numa cena que só filmada! Estava o meu Spitz alemão anão do tamanho quase de um gato, a desafiar um cãozinho de peluche de uma das minhas guerreiras para um duelo. Ora, o peluchinho do tamanho de um punho fê-lo sentir imponente e magnânimo!!!

Foi uma cena de meter dó, era o canito a voar de um lado para o outro, a ser arrastado pelo chão do corredor, a levar com rosnadelas sonoras, enfim, um boneco nas mãos de um bobby. Quando satisfez o seu instinto animal e marcou o seu território perante tal ameaça, olhou para ele com desdém, fixou-me, e com um focinho arrogante, lentamente se dirigiu ao seu leito para descançar. Estava cansado o tadinho, luta árdua...

Aí veio-me á memória a tal expressão e pus-me a analisar, de acordo com a vida do meu Lobinho, se teria fundamento ou não. Quando chegou lá a casa, era uma mistura de raposa com urso, só pêlo, e desde logo foi acarinhado como se de um bebé se tratasse. As minhas guerreiras quando o viram, foi uma mistura de dúvida e espanto, a mais velha perguntou se era um gato, a mais nova disse que era um ouriço!!!

Sempre foi alimentado a Purina,vejam bem( os donos não comem lagosta de certeza!!!), consultas no veterinário em dia, qualquer coisinha no pêlo que apareça lá vão mais 40€ de consulta e mais uns quantos em medicação, dentasticks para a cramalheira, não vá ter cáries, champôos de pêssego ou côco, muito mimado o meu IRC.

Caminha fofinha, brinquedos a montes, rua para o lareco diário e a higiene, e assim que os donos chegam a casa, lá vai meia hora de brincadeira e chamego, isto só para resumir...

Ora bem, se avaliarmos, será a vida de cão assim tão má??? Tudo bem, concordo que hajam bobbies muito mal tratados, mas também quem assume a responsabilidade de ter um, não pode se descuidar do seu bem estar, senão é injusto tanto para quem o tem,principalmente quando existem crianças, como acima de tudo para ele,tipo as noticias que vêm a publico no Verão, dos abandonos em massa na época balnear(gostaria de saber o que esses donos pensariam ou sentiriam na situação inversa),mas tirando este aspecto, provavelmente têm uma vida bem mais confortável e melhor do que os seus donos.

Humm...Vida de cão?

A papar Pedigree Pal, sem fazer nenhum, ladram e lá vêm os mimos,isto é mau?


Se assim é, na próxima encarnação quero vir como Dálmata...


9 comentários:

Antonio saramago disse...

HÁ Vidas e Vidas.há cães e cães.
Há os ke têm a sorte de ter uma casinha, de terem miminhos, de serem tratados como se um ser Humano se tratasse.
E, porque não se tratarem todos os Animais DOMÉSTICOS com Dignidade?
Sabemos que é impossivel tratar de todos, que os há também que não se pode chegar ao pé deles, são assassinos, não conhecem o dono, mesmo que o tenham, mas aqueles que sabemos serem meigos e que merecem ser acarinhados, devemos saber tratar muito bem deles.

antonio - o implume disse...

O IRC tal como o IRS dão-nos uma vida de cão... quanto ao teu lobinho, ele tem muitos instintos humanos: lutar contra um peluche inofensivo... parece a nossa justiça a brincar aos apitos dourados!

João Pereira disse...

Eu como cchiwuawa! As meninas sempre gostam mais! hehe

Anjo Negro disse...

Que Bela Vida a de Cão ...
Pelo menos o teu e o meu têm e são tratados com amor e carinho ...
O meu é quase 50 kgs de ternura e doidice pegada ... É o nosso bicho preto ... É um dos principes da casa, é só coisinhas boas para ele ... Mas o António tem razão ... Há cães e cães e há vidas e vidas ... Bjs Linda

Pedro Barata disse...

Depende da vida que cada cão tem. Há alguns que vivem melhor e são melhor tratados do que algumas pessoas...

Beijinhos e bom fds

Salto-Alto disse...

LOL! Posso ser um Golden Retriever então? ;)

Rafeiro Perfumado disse...

Não me posso queixar da minha vida... é uma daquelas expressões que são ditas por dizer!

Beijoca!

Snoopy disse...

lol, ri-me com o facto de uma das guerreiras o ter confundido com um ouriço!! muito bom!!

Por acaso, hoje podia ter ficado mais tempo na cama... mas não!! la fui eu todo catita e ensonado ao continente buscar comidinha para os meus canitos..enfim é a bidinha..quem os quiser ter que os trate bem! ninguem é obrigado a ter um!!

Eu por acaso fui abandonado antes do verão e agora ainda tento fazer aqueles olhinhos de cachorrinho, mas ninguem cai na armadilha(claro, quem não me conhecer q me compre!!:P)

aahh!! e aproveito pa dizer que vou adoptar a tatica do teu canito! Agora só ando a porrada com anões!! pah! não ha volta a dar!! :P e mesmo assim não pode ser muito musculado! ;p

lambidelas e latidos

Furetto disse...

Vê lá tu que até há Rafeiros com blog! :P